domingo, 21 de novembro de 2010

Milagres acontecem!

Quem diria, eu aos sesseyet56rftutgfjnghjknta anos! hehehe em pleno 2010 faria este pedido.  Corri para minha filha e disse: Dani! acho que estou com febre! Ela muito solícita, pois estou convalescendo de outra cirurgia em um dos olhos, (tudo dentro do programado) Me disse! Mamãe? pegue o termómetro e meça sua temperatura. Tadinha ela acreditou! dái então falei. Devo estar seriamente doente, pois, estou num site que ensina fazer as coisas para comer, sempre preferi comprar prontos. Depois estou formando meu livro de receita virtual. Tá pobrinho! Tem uma só receita. Porque tive que fazer para ver se realmente funciona. Funciona! porque sou ou melhor era zero a esquerda em matéria de cozinhar. Vejam que fiz duas vezes a receita e ainda não ficou no ponto certo. Até tirei uma foto para enviar ao site mas não tive coragem, acho que deixei queimar por fora. Mas não me stresso, já tinha até me resignado que nesta encarnação não saberia cozinhar. Também! não me esculachem né! feijão preto, faço muito bem! fica até melhor do que da nora. Arroz branco, meu preferido! esse sim é meu terror, unidos venceremos, arroz cola,  cola carta, arroz aranha,  se jogar na parede ele fica. Arroz religioso o famoso papa, arroz mingal, há! o sabor é muito bom. Tenho várias ervas finas, como não sei que prato devo usá las, resolvi de uma maneira bem democrática, coloco um pouquinho de cada. Sabe que fica bom! depois eu aprendo como usar essas ervas no lugar certo. Por ora estou feliz, o alimento está saboroso. Pelo menos é que a Dani diz. Será? que ela está me tapeando? ou com dó de mim?. Não faz mal, a minha criatividade está em outras coisas, pinto telas, desenho, tenho excelente criatividade para esse tipo de arte. Bom! o milagre é que pedi a ela de presente neste Natal, um liquidificador. Em outras épocas eu atiraria da janela, se alguém ousasse me presentear com objetos de cozinha. Hoje quero panelas novas, um forno de micro ondas etc. Sempre é tempo de aprender. Descobri a minha casa, meu Lar, quero arrumá lo deixá lo aconchegante. Hehehe só que falta o dindin, mas já me planejei, farei uma coisa de cada vez. Se der! deu. Sem tempo, sem pressa. Nisto vejo que estamos em constante evolução, já percebo a quietude de meu ser. Sendo assim! sou feliz...
Em tempo: Ai! está a foto: da torta salgada de liquidificador, ficou meio negona por fora e molenga por dentro hehe tentei! e tentarei! não tenho pretensões de ganhar concursos de gastronomia. Bonna petite. Fuiiiiii terminar com a torta hehehe

5 comentários:

heli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
heli disse...

Bel.
Onde posso encontrar a receita da sua torta?
Tenho uma torta que faço no liquidificador que fica uma beleza.Se quiser eu posso passar para você e assim fazemos uma troca de receitas,
Beijos minha querida amiga,
Boa semana,
Com carinho,
Heliane

Izabel disse...

Heli, o site é tudo gostoso, encontrei claro! no google. E quero sim, quem sabe fica melhor, ou eu acerte melhor. Boa semana pra ti também querida, Fique com Deus. Beijão em seu coração. Bel

Noemi Szcypula disse...

Só posso rir do sua postagem, pois em matéria de cozinha puxamos nossa Genitora (è genético rsrs)

Cá entre nós, que cara feia tem sua torta! Beijos.

Izabel disse...

Hehehe o pior que tenho que concordar com voce, ficou feia. Mas sabe que no outro dia a danada estava durinha, deu até para cortar em pedaços. Se voce visse a foto que tirei dentro do meu prato. Ficou uma coisa toda sem forma, meio mostro cheio de pereba. Essa está só no meu comput. hehe.